ALEATORIEDADES

Lançamentos de Junho da Editora Rocco

A Editora Rocco divulgou recentemente seus lançamentos para junho e não poderia deixar de compartilhar com vocês:

♥ O Caminho de Casa – Yaa Gyasiocaminho

Páginas: 448

Lançamento: 16/06/2017

Tradução: Waldéa Barcellos

Comprar

Nascida em Gana e criada nos Estados Unidos, a jovem Yaa Gyasi tornou-se um dos nomes mais comentados na cena literária norte-americana em 2016. Seu romance de
estreia, O caminho de casa, recebeu resenhas estreladas dos mais importantes jornais e revistas do país, alcançou a disputada lista dos mais vendidos do The New York Times, foi incluído na prestigiosa lista dos 100 livros notáveis do ano do mesmo jornal e arrebanhou o prêmio PEN/Hemingway de melhor romance de estreia. Com uma narrativa poderosa e envolvente que começa no século XVIII, numa tribo africana, e vai até os Estados Unidos dos dias de hoje, Yaa mostra as consequências do comércio de escravos dos dois lados do Atlântico ao acompanhar a trajetória de duas meias-irmãs desconhecidas uma da outra, e das gerações seguintes dessa linhagem separada pela escravidão.

Um romance que já nasce épico e uma autora que vem se juntar a nomes como Alice Walker, Toni Morison e Chimamanda Ngozi Adichie, pela voz firme e ao mesmo tempo poética na afirmação da cultura africana e dos direitos da mulher.

 

♥ A Perda de Si: Cartas de Antonin Artaud – Antonin Artaudcartas

Páginas: 176

Lançamento: 16/06/2017

Tradução: Ana Kiffer e Mariana Patrício Fernandes

Comprar

Depois de A aventura do estilo – Ensaios e Correspondências de Henry James e Robert Louis Stevenson, o segundo livro da coleção Marginália, dedicada a textos pouco conhecidos de grandes escritores modernos, apresenta pela primeira vez ao leitor brasileiro uma seleção abrangente das cartas do francês Antonin Artaud (1896-1948), um dos mais influentes artistas e pensadores do século XX, escritas em diferentes momentos de sua vida a amigos como Anaïs Nin, André Breton, Jacques Rivière e outros. Organizado pela professora da PUC-Rio Ana Kiffer, A perda de si revela, por meio dessa correspondência rica em reflexões sobre teatro, literatura, marxismo e psicanálise, entre outros temas, a gênese e as transformações do pensamento de Artaud, um dos grandes renovadores da dramaturgia do século XX, que influenciou não só nomes ligados ao teatro, como Peter Brook e José Celso Martinez Corrêa, mas também escritores do movimento beat e intelectuais como Gilles Deleuze e Jacques Derrida.

Seleção abrangente e inédita para o leitor brasileiro das cartas de Antonin Artaud, um dos grandes nomes da arte do século XX, criador do Teatro da Crueldade.

 

♥ Os Fantasmas – César Aira osfantasmas

Páginas: 160

Lançamento: 16/06/2017

Tradução: Joca Wolf

Comprar

Um dos principais nomes da literatura argentina contemporânea, César Aira conta, em Os fantasmas, uma fábula urbana de cunho social ambientada na Buenos Aires dos anos 1980, mais precisamente num edifício em construção no bairro de Flores. A trama se passa num dia 31 de dezembro e reúne os futuros proprietários, em visita ao prédio; os operários da obra, que, junto com a família do porteiro chileno, ocupam precariamente um dos andares; e os fantasmas, seres incorpóreos que somente alguns personagens conseguem ver, e que também estão em festa naquela véspera de ano-novo. Transitando com sutileza entre todos eles, Aira reflete sobre literatura, economia, arquitetura, vida e morte, a partir de múltiplos pontos de vista, e constrói uma novela original e divertida que se inscreve na tradição da ficção fantástica de seu país.

Uma fábula urbana de contornos fantásticos que reúne tudo o que a extensa obra narrativa de César Aira tem de melhor: poesia e humor, ironia e melancolia, afeto e diversão.

 

♥ Querida Filha – Elizabeth Littlequeridafilha

Páginas: 368

Lançamento:

Tradução:  Fabienne W. Mercês

Comprar

A relação mãe e filha – e os segredos que podem se esconder em seus meandros – é o combustível do bem-sucedido romance de estreia de Elizabeth Little, lançamento da coleção Luz Negra, que reúne o melhor do suspense feminino contemporâneo. O livro acompanha a ex-it girl Janie Jenkins, que, ao sair da prisão 10 anos após ter sido condenada pela morte da mãe, só deseja fugir dos holofotes e encontrar o verdadeiro assassino. Só há um problema: Janie não tem certeza absoluta de que não cometeu o crime. E, seguindo a única pista que possui, inicia um périplo que a levará a uma pacata cidade em Dakota do Sul e a um revelador encontro com o passado.

Um suspense eletrizante com uma protagonista atraente e sagaz que envolve o leitor da primeira à última página.

 

♥ O Conto da AIA (Reedição) – Margaret Atwoodoconto

Páginas: 368

Lançamento:

Tradução: Ana Deiró

Escrito em 1985, o romance distópico O conto da aia, da canadense Margaret Atwood, tornou-se um dos livros mais comentados em todo o mundo nos últimos meses, voltando a ocupar posição de destaque nas listas do mais vendidos em diversos países. Além de ter inspirado a série homônima (The Handmaid’s Tale, no original) produzida pelo canal de streaming Hulu, a ficção futurista de Atwood, ambientada num Estado teocrático e totalitário em que as mulheres são vítimas preferenciais de opressão, tornando-se propriedade do governo, e o fundamentalismo se fortalece como força política, ganhou status de oráculo dos EUA da era Trump. Em meio a todo este burburinho, O conto da aia volta às prateleiras com nova capa, assinada pelo artista Laurindo Feliciano.

Uma das obras mais importantes da celebrada escritora Margaret Atwood, conhecida por seu ativismo político, ambiental e em prol das causas femininas, volta às prateleiras com nova capa.

 

♥ Marlena – Julie Buntinmarlena

Páginas: 304

Lançamento:

Tradução: Eliza Nazarian

Comprar

Cat tem 15 anos e se sente sozinha e perdida ao deixar para trás o mundo que conhecia para viver numa pequena cidade no interior de Michigan. Mas sua vida se transforma quando ela conhece sua nova vizinha. Marlena é uma garota destemida, determinada e fora de controle. Logo as duas se tornam inseparáveis e passam a testar seus limites, em busca de novas experiências e, principalmente, de um sentido para a vida. Até que um desfecho inesperado põe fim a esta amizade. Quase 20 anos depois, Cat relembra aquele período de excessos e ainda luta para perdoar a amiga e a si mesma, neste romance ao mesmo tempo sensível e brutal sobre uma amizade obsessiva e sobre pessoas que, não importa o quanto se demorem, deixam marcas profundas na vida de outras.

Julie Buntin, que tem textos publicados em veículos de prestígio como Cosmopolitan, Slate e Electric Literature, entre outros, foi comparada a Elena Ferrante (da série A amiga genial) pelo retrato pungente que traça da amizade entre duas mulheres em seu romance de estreia.

 

♥ O Selvagem – Kristen Ashley (Série O Homem dos Meus Sonhos #2)oselvagem

Páginas: 464

Lançamento: 16/06/2017

Tradução: Alyda Sauer

Comprar

Romance, aventura e uma boa dose de erotismo são os ingredientes que dão liga a O selvagem, segundo da série O Homem dos Meus Sonhos. Depois de O estranho, a norte-americana Kristen Ashley conta agora a história de Brock Lucas, um típico brutamontes que não mede esforços para conseguir o que quer, e Tessa O’Hara, uma mulher doce que esconde um grande segredo. Quando ele a convida para uma cerveja, Tess não imagina que Brock é um agente que se aproximou dela para investigar os crimes de seu ex-marido. Ao descobrir a verdade, ela tenta se convencer de que Brock não é o homem dos seus sonhos e tem certeza de que precisa pôr fim a este relacionamento. Mas ele não está disposto a deixá-la ir. Pelo contrário, Tess tornou-se um vício incontrolável para Brock. E o agente selvagem está mais disposto do que nunca a finalizar seu trabalho. E a conquistá-la de vez.

Kristen Ashley é uma das maiores autoras de romances eróticos dos Estados Unidos, com excelente recepção entre as leitoras. O selvagem é o segundo da série O Homem dos Meus Sonhos, mas pode ser lido de forma independente do primeiro.

 

♥ Você é Fera: Pare de duvidar do seu potencial e comece a viver uma vida incrível – Jenvoceefera Sincero

Páginas: 272

Lançamento: 16/06/2017

Tradução: Marcia Frazão

Comprar

Um livro de autoajuda diferente de todos os outros. Há mais de 70 semanas na cobiçada lista dos mais vendidos do The New York Times, Você é fera traz a verve feminina, divertida, pop (e por vezes desbocada) da coach de sucesso Jen Sincero. São 27 capítulos curtos que ensinam o leitor, através de histórias inspiradoras, dicas sobre dinheiro, comportamento e relacionamentos, exercícios práticos e um palavrão de vez em quando, a descobrir a origem de seus problemas, evitar as armadilhas de autossabotagem, encontrar a força interior necessária para mudar e a estabelecer seus objetivos e alcançá-los. Ou, em linguagem franca e direta, ao estilo da autora: depois de ler Você é fera, você vai entender por que é do jeito que é, como pode amar o que não pode mudar, como pode mudar o que não ama e aprender a usar a sua força para arrasar de verdade.

Autoajuda moderna, bem-humorada e repleta de referências da cultura pop. Fenômeno nos EUA há 69 semanas na lista dos mais vendidos do The New York Times.

 

♥ A Sombra de Kissinger – Greg Grandinasombra

Páginas: 288

Lançamento: 16/06/2017

Tradução:  Bruno Casotti

Comprar

Autor do aclamado Fordlândia, sobre a cidade perdida de Henry Ford na selva amazônica, o historiador Greg Grandin mergulha na trajetória de Henry Kissinger e defende que, para entender a política externa norte-americana hoje – com suas incursões militares que se arrastam por anos no exterior e a polarização política interna do país – é necessário decifrar o controverso secretário de estado de Richard Nixon e Gerald Ford. Partindo da análise da produção acadêmica de Kissinger e de um grande número de documentos secretos e outros oficiais, muitos liberados apenas recentemente, o autor vai além do registro biográfico e traça a linha de raciocínio que interliga a ascensão do neoconservadorismo, que levou o país a guerras desastrosas como a do Iraque e a do Afeganistão e ao surgimento de figuras como Donald Trump no cenário político, com o legado de Kissinger, responsável por fomentar a política intervencionista beligerante dos EUA no pós-guerra.

Com clareza e elegância, Greg Grandin vai além da biografia ao analisar a trajetória do mais emblemático secretário de estado norte-americano, cujo legado marca a política externa dos EUA até os dias de hoje.

 

♥ Comportamento Altamente Ilógico – Corey Whaley comportamento

Páginas: 256

Lançamento: 16/06/2017

Tradução: Ana Carolina Mesquita

Comprar

Um garoto de 16 anos tímido e retraído que sofre de agorafobia (transtorno de ansiedade que leva a pessoa a evitar locais que não considera seguros); uma menina ambiciosa e realista que sonha em entrar para a faculdade de psicologia. Determinada a provar que merece ser aceita no segundo melhor curso do país, Lisa se aproxima de Solomon para ajudá-lo a superar suas dificuldades, trazendo também seu encantador namorado, Clark, para próximo de sua “cobaia”. Logo, os três formam laços inesperados de amizade. À medida que se conhecem melhor, porém, os planos de Lisa começam a sair de controle, e cada um deles é obrigado a rever suas certezas e encarar seus medos. Será que Sol, Lisa e Clark conseguirão encontrar novos arranjos em suas vidas, servindo de apoio um ao outro na difícil tarefa de encarar a vida adulta que se aproxima?

Divertido, comovente e repleto de referências da cultura pop, Comportamento altamente ilógico trata de temas como depressão adolescente, bullying, amizade, amor e amadurecimento na linha de outros romances young adult de sucesso.

 

♥ Jane Austen Roubou meu Namorado – Cora Harrison

 

♥ Levana: A Rainha mais Bela (Crônicas Lunares #3.5) – Marissa Meyerlevana

Páginas: 256

Lançamento: 16/06/2017

Tradução: Regiane Winarski

Comprar

Quem é a verdadeira mulher por trás da fascinante vilã que perpassa as histórias de Cinder, Scarlet, Cress e Winter? Neste spin-off da série de contos de fadas futuristas Crônicas Lunares, a autora Marissa Meyer revela o passado e as motivações de Levana, a cruel rainha que sonha em governar o povo de Luna. Filha mais nova ofuscada pelo brilho e charme da verdadeira herdeira do trono, sua irmã Channary, Levana teve o rosto desfigurado por queimaduras na infância e aprendeu a se camuflar, manipulando todos a sua volta com uma beleza fictícia. Assim, conquistou à força o amor de Evret Hayle, por quem sempre foi apaixonada, tornando-se madrasta de Winter quando ele perdeu a esposa no parto da filha. E seu próximo passo é tomar o trono definitivamente.

Uma envolvente e trágica história de inveja, ambição e traição, com personagens já conhecidos dos leitores da série Crônicas Lunares, agora sob uma perspectiva inédita.

 

♥ O Garoto da Loteria – Michael Byrneogaroto

Páginas: 256

Lançamento: 16/06/2017

Tradução: Marcelo Schild Arlin

Comprar

Primeiro livro do inglês Michael Byrne, O garoto da loteria é uma história sobre sobrevivência, esperança e amadurecimento. Bully tem 12 anos e, desde que perdeu a mãe, vive nas ruas de Londres. Sua única companhia é a cadela Jack, com quem ele divide a cama improvisada a cada noite e o pouco que consegue para comer no dia a dia. Mas também seu amor e o sonho de conquistar um futuro melhor. Quando encontra um bilhete de loteria premiado, num antigo cartão de aniversário que sua mãe lhe deixou, Bully e Jack embarcam numa dramática jornada para retirar o prêmio. Afinal, em quem confiar quando se é uma criança desamparada que subitamente vira “o garoto da loteria”?

Um romance emocionante e bem escrito, que prende a atenção do leitor do início ao fim e expõe a dureza da vida nas ruas e as dificuldades por que passam milhões de crianças nessa situação em todo o mundo.

 

♥ O Primeiro Dia de Chu na Escola – Neil Gaimanoprimeiro

Páginas: 36

Lançamento: 16/06/2017

Tradução: Ana Bergin

Ilustração: Adam Rex

Comprar

Chu é um filhote de panda fofinho como todo filhote de panda. O que há de diferente com ele é que Chu é bastante alérgico. E quando ele espirra, coisas ruins podem acontecer. Isso os leitores de O dia de Chu, o primeiro livro de Neil Gaiman sobre o urso panda mais alérgico do planeta, já sabem. Mas agora, Chu está prestes a ir para a escola. E como toda criança, ele está um pouco nervoso. O que ele vai fazer lá? Será que seus colegas vão gostar dele? Em seu primeiro dia de aula, Chu deveria se apresentar à professora e aos novos amigos e dizer o que mais gosta de fazer. Mas de repente, uma poeirinha de giz entra em seu nariz. E antes mesmo que ele possa começar a falar, ele solta um espirro daqueles. Como será que Chu se sairá em seu primeiro dia na escola?

A imaginação peculiar de Neil Gaiman e as ilustrações de Adam Rex dão vida a um urso panda com o qual qualquer criança – especialmente as alérgicas – pode se identificar.

Eu já tenho meus favoritos e vocês?

Boa leitura, beijos! ♥

ALEATORIEDADES

Lançamentos de Junho da Editora Intrínseca

Junho está quase chegando e com ele, muitos lançamentos. Eu já selecionei os meus favoritos e devo confessar que ainda estou tentando lidar com a notícia do lançamento de um novo livro da Liane, sinto muita saudade de “Pequenas Grandes Mentiras”, foi um livro extremamente marcante. Espero me apaixonar por “Até Que a Culpa Nos Separe” tanto quanto me apaixonei por este último que mencionei, hihi.

Eu Sei Onde Você está – Claire KendalEuSeiOndeVoceEsta_G

Páginas: 304

Lançamento: 07/06/2017

Tradução: Domingos Demasi

Comprar

Rafe está em todos os lugares. E Clarissa vai encontrá-lo, mesmo sendo a última coisa que gostaria que acontecesse. Vai encontrá-lo na universidade onde ambos trabalham, na estação de trem, no portão do prédio onde mora. As mensagens do homem lotam a secretária eletrônica de Clarissa, os presentes dele abarrotam sua caixa de correio. Desde a noite traumática que passaram juntos alguns meses antes, ela se vê em uma armadilha da qual não consegue escapar. E ele se recusa a aceitar um não como resposta.

A única saída de Clarissa para esse pesadelo angustiante são as sete semanas que passará em um tribunal, onde foi escalada para compor um júri popular. A vítima em questão viveu experiências que revelam uma similaridade macabra com a vida da jurada. Conforme o julgamento se desenrola, Clarissa percebe que, para sobreviver às investidas obcecadas de Rafe, será necessário se arriscar. Começa então a reunir evidências da insanidade do perseguidor para usá-las contra ele e relata todo o terror psicológico e físico a que é submetida, o que a obriga a reviver cada momento doloroso que vem tentando desesperadamente esquecer.

Escrito de forma primorosa, Eu sei onde você está explora a tênue fronteira entre amor e compulsão, fantasia e realidade. Um retrato perturbador de uma mulher perseguida, determinada a sobreviver.

 

Robô Selvagem – Peter BrownRoboSelvagem_G

Páginas: 288

Lançamento: 08/06/2017

Tradução: Marina Vargas

Comprar

Peter Brown sempre foi fascinado por robôs e pela natureza, e depois de anos imaginando, escrevendo e desenhando, ele deu vida a Roz, uma robô que, ao abrir os olhos pela primeira vez, se vê sozinha numa ilha.

Ela não tem a menor ideia de como foi parar ali, mas foi programada para sobreviver. Depois de suportar uma tempestade intensa e es­capar de ursos furiosos, ela se dá conta de que sua única esperança é se adaptar ao ambiente, e vai ter que aprender isso com os nada simpáticos animais que ha­bitam a ilha.

Tudo parece melhorar quando Roz consegue, aos poucos, se aproximar dos bichos e criar um laço inquebrável com um filhote de ganso abandonado. Mas sua natureza é diferente, e o misterioso passado da robô, que a levou àquele ambiente selvagem, está prestes a retornar para assombrá-la.

Robô selvagem é uma história co­movente e cheia de aventuras sobre o que acontece quando a natureza e a tecnolo­gia colidem inesperadamente, como os humanos afetam o mundo ao nosso redor e o que significa estar vivo.

 

Apenas Uma Garota – Meredith RussoApenasUmaGarota_G

Páginas: 240

Lançamento: 19/06/2017

Tradução: Joana Faro

Comprar

Prestes a entrar na vida adulta, Amanda Hardy acabou de mudar de cidade, mas a verdadeira mudança de sua vida vai ser encarar algo muito mais importante: a afirmação de sua identidade. Tudo que ela mais quer é viver como qualquer outra garota. E, embora acredite firmemente que toda mudança traz a promessa de um recomeço, ainda não se sente livre para criar laços afetivos. Até que ela conhece Grant, um garoto diferente de todos os outros. Ela não consegue evitar: aos poucos, vai permitindo que Grant entre em sua vida. Quanto mais eles convivem, mais ela se sente impelida a se abrir e revelar seu passado, mas ao mesmo tempo tem muito medo do que pode acontecer se ele souber toda a verdade. Porque o segredo que Amanda esconde é que ela era um menino.

Em seu romance de estreia, Meredith Russo retrata o processo de transição de uma adolescente transexual, parcialmente inspirada em suas próprias experiências. Enquanto traz à tona questões difíceis como dilemas existenciais, preconceito e bullying, o livro também fala de forma esperançosa e leve sobre amizade, descobertas e autoaceitação.

 

Até Que a Culpa Nos Separe – Liane MoriartyAteQueACulpaNosSepare_G

Páginas: 464

Lançamento: 26/06/2017

Tradução: Julia Sobral Campos

Comprar

Amigas de infância, Erika e Clementine não poderiam ser mais diferentes. Erika é obsessivo-compulsiva. Ela e o marido são contadores e não têm filhos. Já a completamente desorganizada Clementine é violoncelista, casada e mãe de duas adoráveis meninas. Certo dia, as duas famílias são inesperadamente convidadas para um churrasco de domingo na casa dos vizinhos de Erika, que são ricos e extravagantes.

Durante o que deveria ser uma tarde comum, com bebidas, comidas e uma animada conversa, um acontecimento assustador vai afetar profundamente a vida de todos, forçando-os a examinar de perto suas escolhas – não daquele dia, mas da vida inteira.

Em Até que a culpa nos separe, Liane Moriarty mostra como a culpa é capaz de expor as fragilidades que existem mesmo nos relacionamentos estáveis, como as palavras podem ser mais poderosas que as ações e como dificilmente percebemos, antes que seja tarde demais, que nossa vida comum era, na realidade, extraordinária.

 

As Mães – Brit Bennettasmaes

 

Páginas: 256

Lançamento: 27/06/2017

Tradução: Carolina Carvalho

Comprar

Tudo começa com um segredo. As ramificações que se seguem vão acompanhar três personagens desde o fim da adolescência até o início da vida adulta, exercendo um impacto capaz de influenciar suas trajetórias por muito tempo depois de seus anos de juventude. Em uma comunidade negra e cristã no sul da Califórnia, Nadia Turner, uma garota bonita, obstinada e ainda marcada pelo recente suicídio da mãe, será a primeira da família a cursar uma universidade, mas, antes de deixar sua cidade natal, ela se envolve com o filho do pastor da igreja, Luke Sheppard. Aos vinte e um anos, Luke é um ex-atleta que trabalha como garçom depois que uma grave lesão o afastou dos campos. Os dois são jovens e não oficializam o relacionamento, mas o segredo que resulta desse romance terá consequências maiores do que eles imaginam.

Anos depois, eles ainda vivem à sombra das escolhas da juventude e da insistente dúvida: e se tivessem feito diferente? As possibilidades do caminho não tomado se tornam uma sombra implacável.

Romance de estreia de Brit Bennett, As Mães chamou atenção dos críticos antes mesmo de ser lançado nos Estados Unidos. Com um estilo sofisticado e atual, a autora demonstra uma ampla compreensão da alma humana e de como as traições e perdas podem moldar comunidades inteiras. Uma obra necessária, que questiona até que ponto devemos servidão às decisões da juventude e às comunidades que nos criaram.

 

Geekerela – Ashley Poston Geekerela_G

Páginas: 384

Lançamento: 30/06/2017

Tradução: Rayssa Galvão

Comprar

Quando Elle Wittimer, nerd de carteirinha, descobre que sua série favorita vai ganhar uma refilmagem hollywoodiana, ela fica dividida. Antes de seu pai morrer, ele transmitiu à filha sua paixão pelo clássico de ficção científica, e agora ela não quer que suas lembranças sejam arruinadas por astros pop e fãs que nunca tinham ouvido falar da série. Mas a produção do filme anunciou um concurso de cosplay numa famosa convenção valendo um convite para um baile com o ator principal, e Elle não consegue resistir. Na Abóbora Mágica, o food truck vegano onde trabalha, ela encontra a ajuda de uma amiga cheia de talentos para moda que vai criar o traje perfeito para a ocasião. Afinal, o concurso é a chance de Elle se livrar das tarefas domésticas impostas pela terrível madrasta e das irmãs postiças malvadas.

Já Darien Freeman, o astro adolescente escalado para ser o protagonista do filme, não está nada ansioso para o evento, embora o papel seja seu grande sonho. Visto como só mais um rostinho bonito, o próprio Darien também está começando a achar que se tornou uma farsa. Até que, no baile, ele conhece uma menina que vai provar o contrário.

Esta releitura de Cinderela transporta para o universo nerd os principais elementos do clássico conto de fadas, fazendo uma verdadeira homenagem a todos aqueles que sabem o que é ser fã e se dedicar de coração àquilo que amam.

 

Dias Bárbaros – William Finnegandias

Páginas: 432

Lançamento: 30/06/2017

Tradução: Edmundo Barreiros

Comprar

O surfe é um esporte, mas só para os que apenas assistem. Para quem surfa, trata-se de muito mais: um vício, uma arte, um estilo de vida. William Finnegan viveu a infância na Califórnia e no Havaí, e aprendeu cedo a surfar. Ao longo da vida, viajou o mundo em busca das melhores ondas. Amante de livros e de aventuras, tornou-se um escritor e correspondente de guerra de grande prestígio. Mas sua mais perfeita narrativa está em Dias bárbaros, a autobiografia vencedora do Pulitzer na qual ele compartilha, através de sua trajetória no surfe, as histórias da época em que pertencia a uma gangue de meninos brancos em Honolulu, a loucura que impregnou jovens e adultos na década de 1960, sua vivência das ondas mais famosas do mundo e tudo o que aprendeu com elas – do pesar de ter usado LSD para desbravar a baía de Honolua, em Maui, à satisfação intensa de atravessar os recifes da Polinésia de mapa em punho para descobrir uma das maiores ondas que existem.

À medida que as viagens de Finnegan o levam cada vez mais longe, suas memórias ganham um viés deliciosamente improvável, quase antropológico, que explora da simplicidade pitoresca de uma aldeia de pescadores em Samoa às excêntricas regras tonganesas para o sexo com estrangeiros. Mais do que um livro de aventura, Dias bárbaros é uma autobiografia inteligente, uma história social e um road movie literário. Apresenta de modo surpreendente o domínio gradual de uma arte tão exigente quanto magnífica, narrado com uma voz que transporta o leitor até as águas, as ondas, os povos e os países que Finnegan conheceu, extrapolando tempo e espaço em uma das melhores viagens que um livro será capaz de proporcionar.

Gostaram de algum título em especial? Se sim, me contem nos comentários!

Boa leitura, beijos! ♥

ALEATORIEDADES

Lançamentos de Junho da Editora Arqueiro

Ebaaa \o/ A Editora Arqueiro atualizou recentemente seu catálogo de lançamentos para Junho e não poderia deixar de compartilhar com vocês!

MMestreChamas_CapaWEB_1estre das Chamas – Joe Hill

Páginas: 592

Lançamento: 01/06/2017

Tradução: Fernanda Abreu

Trecho

Comprar

Ninguém sabe exatamente como nem onde começou. Uma pandemia global de combustão espontânea está se espalhando como rastilho de pólvora, e nenhuma pessoa está a salvo. Todos os infectados apresentam marcas pretas e douradas na pele e a qualquer momento podem irromper em chamas.

Nos Estados Unidos, uma cidade após outra cai em desgraça. O país está praticamente em ruínas, as autoridades parecem tão atônitas e confusas quanto a população e nada é capaz de controlar o surto.

O caos leva ao surgimento dos impiedosos esquadrões de cremação, patrulhas autodesignadas que saem às ruas e florestas para exterminar qualquer um que acreditem ser portador do vírus.

Em meio a esse filme de terror, a enfermeira Harper Grayson é abandonada pelo marido quando começa a apresentar os sintomas da doença e precisa fazer de tudo para proteger a si mesma e ao filho que espera.

Agora, a única pessoa que poderá salvá-la é o Bombeiro – um misterioso estranho capaz de controlar as chamas e que caminha pelas ruas de New Hampshire como um anjo da vingança.

Do aclamado autor de A estrada da noite, este livro é um retrato indelével de um mundo em colapso, uma análise sobre o efeito imprevisível do medo e as escolhas desesperadas que somos capazes de fazer para sobreviver.

 

O Voo da Vespa – Ken FollettVoodaVespa_CapaWEB

Páginas: 416

Lançamento: 01/06/2017

Tradução: Haroldo Netto

Trecho

Comprar

Freya é o nome da deusa nórdica do amor. Também é o codinome da mais recente invenção nazista, de acordo com uma mensagem interceptada pelas forças aliadas. A inteligência britânica desconfia que é graças a ela que os alemães estão conseguindo abater os bombardeiros ingleses a uma velocidade tão alarmante.

Hermia Mount, uma analista do MI6, é recrutada para ajudar a descobrir qual é essa nova arma. Tendo morado a vida inteira na Dinamarca, ela possui contatos valiosos que poderão auxiliá-la em sua missão.

Do outro lado do mar do Norte, numa ilha dinamarquesa ocupada pelos alemães, o estudante Harald Olufsen descobre uma instalação estranha dentro da base militar nazista. Ele não sabe o que é, mas não se parece com nada que já tenha visto, e ele precisa contar para alguém.

Em Copenhague, o detetive Peter Flemming colabora com os alemães para desvendar quem está repassando informações de dentro do país nórdico para os aliados britânicos.

Numa Europa praticamente dominada pela Alemanha, a vida dessas três pessoas se entrelaça de forma irreversível, e quando um decrépito avião bimotor se transforma no único meio de fazer a verdade chegar até as forças aliadas, o destino delas poderá mudar o rumo da guerra – e da história.

 

Volúpia de Veludo – Loretta ChaseVolupiaVeludo_CapaWEB

Páginas: 320

Lançamento: 01/06/2017

Tradução: Simone Reisner

Trecho

Comprar

Simon Fairfax, o fatalmente charmoso marquês de Lisburne, acaba de retornar relutantemente a Londres para cumprir uma obrigação familiar.

Ainda assim, ele arranja tempo para seduzir Leonie Noirot, sócia da Maison Noirot. Só que, para a modista, o refinado ateliê vem sempre em primeiro lugar, e ela está mais preocupada com a missão de transformar a deselegante prima do marquês em um lindo cisne do que com assuntos românticos.

Simon, porém, está tão obcecado em conquistá-la que não é capaz de apreciar a inteligência da moça, que tem um talento incrível para inventar curvas – e lucros. Ela resolve então ensinar-lhe uma lição propondo uma aposta que vai mudar a atitude dele de uma vez por todas. Ou será que a maior mudança da temporada acabará acontecendo dentro de Leonie?

Volúpia de veludo, terceiro livro da série As Modistas, é uma história de amor envolvente, com personagens femininas fortes e determinadas que transitam com perfeição entre o romantismo e a sensualidade.

 

♥ A Grande Ilusão – Harlan Cobenagrandeilusao

Páginas: 304

Lançamento: 05/06/2017

Tradução: Marcelo Mendes

Trecho

Comprar

Maya Stern é uma ex-piloto de operações especiais que voltou recentemente da guerra. Um dia, ela vê uma imagem impensável capturada pela câmera escondida em sua casa: a filha de 2 anos brincando com Joe, seu falecido marido, brutalmente assassinado duas semanas antes.

Tentando manter a sanidade, Maya começa a investigar, mas todas as descobertas só levantam mais dúvidas.

Conforme os dias passam, ela percebe que não sabe mais em quem confiar, até que se vê diante da mais importante pergunta: é possível acreditar em tudo o que vemos com os próprios olhos, mesmo quando é algo que desejamos desesperadamente?

Para encontrar a resposta, Maya precisará lidar com os segredos profundos e as mentiras de seu passado antes de encarar a inacreditável verdade sobre seu marido – e sobre si mesma.

 

♥ Nossa Música – Dani Atkinsnossamusica

Páginas: 368

Lançamento: 05/06/2017

Tradução: Raquel Zampil

Trecho

Comprar

Ally e Charlotte poderiam ter sido grandes amigas se David nunca tivesse entrado em suas vidas. Mas ele entrou e, depois de ser o primeiro grande amor (e também a primeira grande desilusão) de Ally, casou-se com Charlotte.

Oito anos depois do último encontro, o que Ally menos deseja é rever o ex e sua bela esposa. Porém, o destino tem planos diferentes e, ao longo de uma noite decisiva, as duas mulheres se reencontram na sala de espera de um hospital, temendo pela vida de seus maridos. Diante de incertezas que achavam ter vencido, elas precisarão repensar antigas decisões e superar o passado para salvar aqueles que amam.

Com a delicadeza tão presente em seus livros, Dani Atkins mais uma vez nos traz uma história de emoções à flor da pele, um drama familiar comovente que não deixará nenhum leitor indiferente.

 

A Casa do Lago – Kate Mortonacasa

Páginas: 464

Lançamento: 05/06/2017

Tradução: Rachel Agavino

Trecho

Comprar

A casa da família Edevane está pronta para a aguardada festa do solstício de 1933. Alice, uma jovem e promissora escritora, tem ainda mais motivos para comemorar: ela não só criou um desfecho surpreendente para seu primeiro livro como está secretamente apaixonada. Porém, à meia-noite, enquanto os fogos de artifício iluminam o céu, os Edevanes sofrem uma perda devastadora que os leva a deixar a mansão para sempre.

Setenta anos depois, após um caso problemático, a detetive Sadie Sparrow é obrigada a tirar uma licença e se retira para o chalé do avô na Cornualha. Certo dia, ela se depara com uma casa abandonada rodeada por um bosque e descobre a história de um bebê que desapareceu sem deixar rastros.

A investigação fará com que seu caminho se encontre com o de uma famosa escritora policial. Já uma senhora, Alice Edevane trama a vida de forma tão perfeita quanto seus livros, até que a detetive surge para fazer perguntas sobre o seu passado, procurando desencavar uma complexa rede de segredos de que Alice sempre tentou fugir.

Em A casa do lago, Kate Morton guia o leitor pelos meandros da memória e da dissimulação, não o deixando entrever nem por um momento o desenlace desta história encantadora e melancólica.

 

Gostaram de algum lançamento específico? Me contem nos comentários.

Boa leitura, beijos! ♥

 

ALEATORIEDADES

Lançamentos de Junho da Editora Intrínseca

Oii, boa tarde leitores!

Junho chegou e com ele muitos lançamentos, vamos a lista:

 

A Ditadura Acabada – Elio GaspariCapa_DitaduraAcabada_G

Páginas: 448

Lançamento: 01/06/2016

A mais aclamada obra sobre o regime militar no Brasil chega à conclusão com o livro A ditadura acabada. No quinto volume da Coleção Ditadura, o jornalista Elio Gaspari examina com riqueza de detalhes o período de 1978 a 1985, desde o final do governo do presidente Ernesto Geisel e a posse de seu sucessor, o general João Baptista Figueiredo, até a eleição de Tancredo Neves pelo Colégio Eleitoral. São os anos da abertura política, momento decisivo na história de nosso país e repleto de acontecimentos, como o fim do AI-5, as manifestações políticas pela anistia e pela volta das eleições diretas para a presidência, os atentados promovidos por aqueles que se opunham à redemocratização, como o episódio da bomba no Riocentro em 1981, e uma crise econômica sem precedentes.

Com uma narrativa fluida e pesquisa profunda, Elio Gaspari compõe um painel fascinante de um país em plena ebulição, em que muitos dos protagonistas se mantêm como parte do noticiário atual. No epílogo, denominado “500 vidas”, o autor acompanha o destino de quinhentos personagens que sobreviveram ao fim da ditadura, entre militares e militantes, empresários e sindicalistas, torturados e torturadores. Alguns desses sobreviventes chegaram à presidência da República, como a presa política Dilma Rousseff, o metalúrgico Luiz Inácio Lula da Silva e o professor Fernando Henrique Cardoso. É uma conclusão impactante para uma obra fundamental sobre a história recente do Brasil.

A ditadura acabada estará disponível em duas versões de e-book, uma delas com áudios e vídeos acrescentados pelo autor, ambas contendo mais de trinta documentos históricos.

 

F de Falcão – Helen Macdonald fdefalcaogrande

Páginas: 288

Lançamento: 08/06/2016

Aclamado best-seller do The New York Times, F de falcão é uma autobiografia nada usual sobre superação e autodesenvolvimento. Helen Macdonald conta sua história a partir do momento em que viaja até a Escócia para comprar um falcão. A depressão que lhe acometera após a morte do pai criara um abismo entre ela e as outras pessoas e nada mais fazia sentido em sua vida. Porém, ao praticar a falcoaria com Mabel, sua nova ave de rapina, e ler os diários de T. H. White, clássico autor da literatura inglesa, Helen começa a entender que o luto é um estado que não pode ser evitado, mas que pode ser superado – inclusive com a ajuda de um inusitado açor.

Muito mais do que explicar como domesticar ou caçar com falcões, a prosa magnética de F de falcão narra a angustiante história de uma mulher que se sente infeliz e sem rumo. Uma mulher que, na ânsia por superar a melancolia, encontra ao lado de um dos mais ferozes animais o caminho para expulsar os próprios demônios.

 

Loney – Andrew Michael Hurleyloneygrande

Páginas: 304

Lançamento: 10/06/2016

Quando os restos mortais de uma criança são descobertos durante uma tempestade de inverno numa extensão da sombria costa da Inglaterra conhecida como Loney, Smith é obrigado a confrontar acontecimentos terríveis e misteriosos ocorridos quarenta anos antes, quando ainda era criança e visitou o lugar.

À época, a mãe de Smith arrastou a família para aquela região numa peregrinação de Páscoa com o padre Bernard, cujo antecessor, Wilfred, morrera havia pouco tempo. Cabia ao jovem sacerdote liderar a comunidade até um antigo santuário, onde a obstinada sra. Smith crê que irá encontrar a cura para o filho mais velho, um garoto mudo e com problemas de aprendizagem.

O grupo se instala na Moorings, uma casa fria e antiga, repleta de segredos. O clima é hostil, os moradores do lugar, ameaçadores, e uma aura de mistério cerca os desconhecidos ocupantes de Coldbarrow, uma faixa de terra pouco acessível, diariamente alagada na alta da maré. A vida dos irmãos acaba se entrelaçando à dos excêntricos vizinhos com intensidade e complexidade tão imperativas quanto a fé que os levou ao Loney, e o que acontece a partir daí se torna um fardo que Smith carrega pelo resto da vida, a verdade que ele vai sustentar a qualquer preço.

Com personagens ricos e idiossincráticos, um cenário sombrio e a sensação de ameaça constante, Loney é uma leitura perturbadora e impossível de largar, que conquistou crítica e público. Uma história de suspense e horror gótico, ricamente inspirada na criação católica do autor, no folclore e na agressiva paisagem do noroeste inglês.

 

Liderança – Alex Ferguson e Michael Moritzuntitled

Páginas: 352

Lançamento: 15/06/2016

O que é necessário para levar uma equipe ao máximo sucesso e mantê-la no topo por um bom tempo? Sir Alex Ferguson é um dos poucos líderes que sabem de fato a resposta a essa pergunta. Nos 38 anos em que atuou como técnico de futebol, alcançou a impressionante marca de 49 troféus e fez do Manchester United uma das maiores marcas do mundo. Nesse livro franco e inspirador, ele revela os segredos por trás de sua carreira repleta de recordes.

Liderança é organizado em função das habilidades mais valorizadas por Sir Alex e inclui temas que logo associamos a seu estilo como treinador: disciplina, controle, trabalho de equipe e motivação. Também aborda assuntos não tão óbvios, mas nem por isso menos relevantes para se alcançar o sucesso: como delegar, lidar com o fracasso e fazer bom uso da análise de dados.

As histórias inevitavelmente giram em torno do futebol e do sucesso fenomenal de SirAlex, mas as lições podem beneficiar a todos. Não importa se você administra uma empresa, dá aulas ou trabalha numa pequena equipe, Liderança o ajudará a se tornar um profissional melhor.

 

Gentil Como a Gente – Fernanda GentilGentil como a gente

Páginas: 288

Lançamento: 15/06/2016

Fernanda Gentil é repórter esportiva e uma das apresentadoras mais queridas da tevê. Conquistou milhares de fãs na cobertura da Copa do Mundo de 2014, da qual foi eleita musa. No vídeo, é uma profissional competente e divertida. De perto, é igualmente engraçada. Nas páginas de Gentil como a gente, transforma suas experiências pessoais num relato adorável.

A protagonista é a Mocinha. Não é que a Mocinha seja neurótica – ela apenas pensa em todas as possibilidades. O par romântico: Momô. Não é que Momô seja avoado – ele só é do tipo que vai jogar tênis e esquece a raquete. Tem também a Nala, a cachorra que a Mocinha não gosta que chamem de cachorra. Tem o Lucas, o afilhado que é como um filho. E os 300, a gangue de amigos, quer dizer, o grupo de amigos. Essa turma, que no rolar dos capítulos vai ganhar mais um integrante, se esbarra em um apertamento, onde a sala é um pouco da cozinha e um tico da varanda.

Com leveza e humor, Fernanda Gentil conta uma história de amores vivida por uma família singular e ao mesmo tempo igual à de todo mundo. Mocinha (ou Fernanda?) briga e, com a frequência de eclipses lunares, pede desculpas. Quando quer, sabe ser fofa. E mostra-se craque em entender as diferenças entre o feminino e o masculino, mata no peito, sai de impedimento, bota para escanteio e bate um bolão. Porque o que Fernanda mais quer é fazer e ser feliz. Sem firulas. Gentil. Como a gente.

 

Welcome to Night Vale – Joseph Fink e Jeffrey Cranor

Páginas: 336

Lançamento: 16/06/2016

O podcast Welcome to Night Vale conta as histórias da cidade de Night Vale, uma amistosa comunidade no meio do deserto onde todas as teorias da conspiração são reais. No formato de um programa de rádio, Cecil Palmer, locutor da rádio comunitária, informa a todos as pequenas estranhezas dessa pacata cidadezinha — onde fantasmas, anjos, alienígenas e agências governamentais misteriosas e ameaçadoras fazem parte do cotidiano dos cidadãos. Desta vez, a chegada de um homem de paletó bege faz com que as vidas de duas mulheres, cada uma com seu mistério, virem de cabeça para baixo.

Como todos em Night Vale, a proprietária da loja de penhores, Jeckie Fierro, gosta de sua rotina. Por isso, quando um homem de paletó bege aparece na loja e interrompe a imutável rotina da jovem, ela fica sem chão. Ele lhe entrega um papel com duas palavras escritas à mão: KING CITY. Tudo naquele homem a deixa nervosa, especialmente o papel, do qual Jackie não consegue se livrar.

Diane Crayton tem um filho de quinze anos. Josh é um adolescente normal: de humor e forma inconstantes. Ele às vezes é humano, mas em certas ocasiões prefere parecer um abajur ou ter asas e tentáculos. Josh está cada vez mais curioso sobre o pai que nunca conheceu, o que deixa Diane transtornada, pois Troy, pai do menino, começa a aparecer em todos os lugares onde ela está (e com a mesma aparência de quando deixou a cidade e se mudou para King City, anos atrás). É um desastre iminente.

As duas mulheres vão se unir na busca por respostas, assombradas por aquelas palavras que parecem ser a solução de tudo: KING CITY, a chave para todos os segredos, que, tomara, trancará o passado e abrirá as portas do futuro. Isso se elas conseguirem achá-la.

Caros ouvintes, bem-vindos a Night Vale.

 

Lugar Nenhum – Neil GaimanLugar nenhum

Páginas: 336

Lançamento: 17/06/2016

Publicado pela primeira vez em 1997, a partir do roteiro para uma série de TV, o sombrio e hipnótico Lugar Nenhum, primeiro romance de Neil Gaiman, anunciou a chegada de um grande nome da literatura contemporânea e se tornou um marco da fantasia urbana. Ao longo dos anos, diferentes versões foram publicadas nos Estados Unidos e na Inglaterra, e Neil Gaiman elaborou, a partir desse material, um texto que viesse a ser definitivo: esta edição preferida, que também inclui uma introdução do autor, uma cena cortada e um conto exclusivo.

Em Lugar Nenhum, Richard Mayhew é um homem simples de coração bom que tem a vida transformada quando ajuda uma jovem que encontra ferida numa calçada. De um dia para o outro, Richard se torna invisível na Londres que sempre conheceu: não tem mais trabalho, não tem mais noiva, não tem mais casa. Para recuperar sua vida, ele se embrenha em um mundo que nunca sonhou existir, uma cidade que se abre nos esgotos e nos túneis subterrâneos: a chamada Londres de Baixo, em que personagens únicos e cenários mirabolantes fazem a Londres de Cima parecer uma mera paisagem cinza.

 

No Reino do Gelo – Hampton Sides

Páginas: 472

Lançamento: 22/06/2016

No final do século XIX, o mundo era bem diferente de como o conhecemos hoje. Os Estados Unidos eram um jovem país em acelerado crescimento após a Guerra Civil, invenções tecnológicas apareciam a todo momento e muitas partes do globo ainda continuavam completamente inexploradas. Entre elas estava o Polo Norte.

George Washington De Long, jovem tenente da Marinha americana, ficou obcecado pelo Ártico após retornar de uma viagem de resgate na costa da Groenlândia. Inspirado pela teoria amplamente difundida (embora pouco fundamentada) de que haveria águas quentes e navegáveis no topo do planeta, permitindo talvez a existência de terras e até mesmo civilizações perdidas, De Long traça um plano minucioso para alcançar esse local desconhecido. No mesmo período, James Gordon Bennett Jr., o rico e excêntrico proprietário do New York Herald, em busca de uma história que gere comoção nos leitores, decide patrocinar a expedição de De Long. Com a ajuda financeira do magnata, o navegador encontra e reforma o navio perfeito para a aventura e tem acesso aos mais variados equipamentos, a cartas de navegação e a círculos políticos, conseguindo todo o apoio necessário para a jornada.

Em 8 de julho de 1879, De Long e uma tripulação de 32 homens zarpam de São Francisco no USS Jeannette com o ambicioso objetivo de alcançar o Ártico pelo estreito de Bering, em vez da até então conhecida rota ao longo da costa da Groenlândia. No entanto, apenas dois meses após a partida o Jeannette fica totalmente preso a uma enorme banquisa, e assim permanece por quase dois anos, flutuando ao sabor da maré em meio ao oceano congelado. Quando, na primavera de 1881, parece que o navio finalmente se libertará de sua prisão, um violento choque com um bloco de gelo força os homens a abandonarem a embarcação. Horas mais tarde, o Jeannette afunda, e sua tripulação se vê obrigada a vencer a pé e em pequenos botes os mil quilômetros de oceano congelado que a separam do norte da Sibéria e da frágil tentativa de sobrevivência.

Enfrentando os terríveis efeitos do frio e da neve, a fome, ferozes ursos polares e labirintos de gelo, a tripulação segue rumo a um destino incerto. Com reviravoltas impressionantes, No reino do gelo é uma fascinante história de heroísmo e determinação num dos locais mais implacáveis do planeta.

Com uma narrativa detalhista e envolvente, e recorrendo a uma impressionante quantidade de documentos, registros históricos, diários e relatos pessoais, Hampton Sides reconstrói um período de grandes explorações e avanços científicos.

 

A Outra História – Tatiana de Rosnayoutrahistoriagrande

Páginas: 272

Lançamento: 27/06/2016

Aos vinte e quatro anos, Nicolas Duhamel se depara com um segredo perturbador, há décadas mantido a sete chaves por sua família. Perplexo, ele parte em uma cruzada na busca por suas verdadeiras origens, uma empreitada que o inspira a escrever seu primeiro romance, O envelope. Depois de três anos do inesperado e estrondoso sucesso mundial do livro, Nicolas é um autor vaidoso, com muitos fãs, obcecado pela fama e pelas redes sociais a ponto de deixar de lado família e amigos. Contudo, não consegue escrever nem uma linha sequer. Hospedado em um luxuoso resort na costa da Toscana, ele tenta vencer o bloqueio criativo, mas, em vez de paz e de tranquilidade que lhe permitirão criar a outra história, o que Nicolas encontra poderá colocar em jogo todo o seu futuro.

Ágil, repleto de camadas e belamente escrito, A outra história é uma reflexão sobre identidade, o processo de ser escritor e a glória e o preço da fama, um retrato de como as decisões de antigas gerações ecoam no presente e moldam o futuro.

 

O que acharam dos lançamentos? Ansiosos por algum em especial?

Boa leitura, beijos! ♥