RESENHAS

Indicação Amazon: A Ama Inglesa – Chirlei Wandekoken (Série O Quarteto do Norte #2)

Olá, boa noite leitores!

A resenha de hoje envolve o segundo livro da série “O Quarteto do Norte”, da autora Chirlei Wandekoken. Eu gostei muito do primeiro livro e ao finalizar a leitura do mesmo senti que precisava ler a continuação o mais breve possível e foi exatamente o que fiz. Eu quase o li em uma única madrugada, haha, acreditam? Sim, eu me envolvi tanto com a história que nem senti o tempo passar, apenas parei a leitura porque já estava tarde e sabia que precisava dormir, rs.

Páginas: 119

Desde pequena, a menina Leonora se perguntava por que sua mãe sabia ler e escrever em dois idiomas e o pai sequer sabia ler em um deles. Instruída pela mãe francesa, a filha de um simples cuidador de cavalos muito cedo se vê sozinha no mundo, à mercê de uma tia autoritária e de um padrasto violador. Um encontro na infância provoca uma reviravolta em sua vida e ela vai trabalhar como ama da duquesa viúva de Pudhoe, uma dama autoritária, mas que a respeitava. Entretanto, quando lady Muriel Browne chega de Londres para passar uma temporada em Pudhoe Castle, no Norte da Inglaterra, tudo à sua volta muda. Leonora começa a ser destratada pela duquesa e até pelos outros servos, até então seu amigos.
Numa noite gelada em Newcastle, sem ter para onde ir, ela acaba se abrigando no celeiro, aconchegada à vaca da duquesa, para não morrer de frio. Ali ela é acordada brutalmente pelo capataz da propriedade e amparada por aquele cuja imagem permeara seus pensamentos durante cinco longos anos, o poderoso duque de Pudhoe, conhecido em toda a Europa por Lorde Perverso. Mas Leonora não o via assim. Pelo contrário. Achara-o caridoso. Afinal, se não fosse por ele, certamente não teria sobrevivido àquela noite.

—-—-

Em “A Ama Inglesa” conhecemos a história de Leonora, a duquesa de Pudhoe, personagem que foi citada e teve uma participação importante em “A Estrangeira”.

Antes de se tornar duquesa, Leonora sofrera muito. Ao perder os pais, a menina sem muita escolha acabou tendo que morar com a tia, uma mulher que sequer se importava com ela, que a tratava como uma empregada e que a castigava e um padrasto que sempre lhe lançava olhares estranhos. Depois de muito ser maltratada e por ter perdido a única pessoa que lhe queria bem, a menina resolve fugir e é neste dia que ela se depara com Pearl. Deste momento em diante, além de se sentir melhor por estar longe da tia e do padrasto e trabalhando como ama da duquesa viúva de Pudhoe, ela ainda vive sonhando com o rapaz que mais do que salvá-la, a fez sentir algo que nunca antes havia sentido.

Quando Leonora acha que enfim poderá ter uma vida calma, ela começa a ser maltratada por todos e ao que tudo indica é devido a algo que a lady Muriel Browne, dama de companhia da duquesa, conta a todos. Depois de aguentar por muito tempo um ambiente hostil e recentemente ter sido agredida pela duquesa e quase violentada pelo padrasto, Leonora decide ir embora e para se proteger de uma noite fria resolve dormir no celeiro.  Destino ou coincidência, ela é encontrada por um empregado, empregado este que a trata muito mal e que apenas não o faz pior porque Pearl o impede. Decorridos cinco anos, enfim Leonora se encontra com aquele que um dia a salvou e o encontro é tão marcante que não somente ela sente que um velho sentimento está ressurgindo como Pearl também acaba não conseguindo disfarçar que ficou balançado.

Diante de mentiras, traições, segredos, uma paixão quase proibida, muito humor e romance, o casal terá que lutar não somente contra as regras da sociedade como também contra o orgulho que existe dentro de ambos para enfim poderem ceder a um sentimento que surgiu anos atrás e que tem tudo para se consolidar.

aamainglesa

Quotes 

“Às vezes, quando ela terminava de ler um romance, suspirava de saudades do mocinho. E o herói tinha sempre o mesmo rosto: o rosto de Arthur Pearl, o duque de Pudhoe.”(Kindle 270-271)

“— Edward Percy? Pedir a ele que cuide de você? Jamais! Seria como jogar uma galinha a uma raposa. “(Kindle 569)

A história fluiu muito bem, já tinha mencionado na resenha de “A Estrangeira” que adoraria conhecer mais acerca da vida dos demais personagens e foi uma experiência ótima saber mais sobre Leonora, Pearl e seus respectivos passados. O que mais me cativou neste livro foram os trechos de humor, eu me diverti demais com o casal, hihi! ♥ 

Uma história curta que envolve romance, humor, drama e pitadas de cenas um tanto quanto calientes, se que é que me entendem! haha 😉

Para finalizar, um trecho falando sobre o tal quarteto do norte!

“Provavelmente os quatro cavalheiros seriam o que chamavam de quarteto do norte. Os quatro eram magníficos, cada um tinha sua própria beleza, embora fossem diferentes em suas feições havia um quê de semelhança entre eles. Leonora não soubera identificar exatamente o que os fazia semelhantes. Talvez porque os quatro estivessem vestidos de forma sóbria, fossem todos de estatura alta, ou porque em todos os membros do quarteto havia uma aura de poder.” (Kindle 625-628). 

Gostou? Compre já seu eBook por apenas R$7,99 ou leia gratuitamente via Kindle Unlimited.

Boa leitura, beijos! ♥

Anúncios

2 comentários em “Indicação Amazon: A Ama Inglesa – Chirlei Wandekoken (Série O Quarteto do Norte #2)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s