ALEATORIEDADES

Quadrinhos “Em Busca do Tempo Perdido” – Stéphane Heuet

Hoje fui surpreendida por uma coleção de quadrinhos da Editora Zahar, inclusive já foi lançado há um bom tempo atrás, fiquei super interessada. A série é baseada no clássico mundial “Em Busca do Tempo Perdido”, do escritor Marcel Proust. Por ser em quadrinhos é uma ótima oportunidade de conhecer a história de forma mais descontraída. A edição brasileira traz informações, curiosidades e notas ilustradas que fornecem referências para a leitura.

 

Vol. 1: No Caminho de Swann – Combraycapa_Combray_22-07-10.indd

Combray, a casa dos parentes, a deliciosa madeleine, a igreja de Santo Hilário, o perfume das pilriteiras, o sadismo, a hesitante vocação literária… Esse é o cenário inicial das aventuras e desventuras do narrador de Em busca do tempo perdido.

 

 

 

 

Vol. 2: À Sombra das Raparigas em Flor (Parte I)

Esse segundo volume traz nosso herói, já adolescente, trocando o ambiente fechado de Combray pelo sol luminoso de Balbec. Marcel apura sua personalidade sensível ao entrar em contato com a fauna aristocrática da belle époque – o esnobe Saint-Loup, o idiossincrático Bloch – e presenciar o desabrochar das raparigas em flor…

 

 

 

Vol. 3: À Sombra das Raparigas em Flor (Parte II)

A temporada em Balbec vai terminando, e o Narrador finalmente conhece o grupo das “raparigas em flor”. Deslocando-se por cenários que vão do ateliê do pintor impressionista Elstir aos penhascos de Creuniers, o jovem aproxima-se da ambígua Albertine e da misteriosa Andrée. O universo onírico e intimista de Em busca do tempo perdido ganha forma e nos transporta…

 

 

Vol. 4: Um Amor de Swann (Parte I)

Na Paris da belle époque, Charles Swann é enfeitiçado pelos encantos de Odette de Crécy. Aristocrático e a princípio indiferente ao seu tipo de beleza, começa a enredar-se numa paixão doentia… Uma trama de poder e sedução.

 

 

 

 

Vol.5: Um Amor de Swann (Parte II)

Charles Swann, atormentado pelo ciúme, está cada vez mais preso aos caprichos da volúvel Odette de Crécy. Irá o aristocrata sucumbir ou o tempo lhe dará forças para se libertar e voltar à tona? Quadro a quadro, gesto a gesto, o leitor percorre os caminhos dessa conturbada paixão, impregnando-se pouco a pouco com a trama de Marcel Proust. As detalhadas ilustrações ainda recriam a Paris da época.

 

 

Vol.6: No Caminho de Swann: Nomes de lugares

Nesse sexto volume, que fecha a série No caminho de Swann – o livro mais famoso e emblemático da obra -, o Narrador, ainda menino, é convidado pelos pais a viajar ao norte da Itália para a Páscoa. Enquanto sonha com as belezas de Florença, Parma e Veneza, fica doente e é obrigado a passar o feriado em Paris, com passeios diários obrigatórios aos Champs Élysées. É lá que vai se apaixonar por Gilberte, filha de Charles Swann e Odette de Crécy, agora sra. Swann.

 

Boa leitura, beijos! ♥

Anúncios

Um comentário em “Quadrinhos “Em Busca do Tempo Perdido” – Stéphane Heuet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s